sexta-feira, junho 02, 2006

O carteiro toca sempre duas vezes

Sabemos hoje via Jn que a CMP perdeu o processo do Parque da Cidade.

Bom, aí vêm outra negociação. Afinal é sempre culpa de Nuno Cardoso.

Já agora, recordam-se dos honorários do advogado contratado para este processo. Será que ele fez desconto aos cerca de 500 mil euros na altura falados na imprensa?

14 comentários:

maloud disse...

Lá vamos nós pagar o autismo e a arrogância do dr. Rui Rio.

Angie disse...

AVISO PRÉVIO:

LER ESTE COMENTÁRIO PODE SER PREJUDICIAL À SUA SAÚDE


E com ESTE é que vou em definitivo converter-me em persona non grata deste blog!!!
Porque percebo que abertos, abertos...mas com cancela electrónica!
Ou só com bio-login idêntico...
Vulnerabilidade que até posso perceber, é claro.
-Quem não tem "ódios" de estimação? Eu também tenho.

Mas já vos ocorreu pensar (admitir) que a imagem que o RR transmite para fora do Porto pode não ser a que aqui se toma por retrato a zinco e lume, ou melhor...daguerreótipo?
Falo mesmo a sério.
Imagem extra partidária, fora do mundo de conotações de âmbito local.
Ou imagem de político local com leitura nacional, se quiserem.

Eis então os adjectivos proibidos:
- frontal; simpático; determinado; sério; cortante; sincero; trabalhador; anti- marca registada dos políticos portugueses: aquela imensa maioria dos que falam muito e não fazem nenhum, dando com uma mão um terço do que arrecadam indevidamente com a outra, em proveito próprio.

Não quero provocar uma tempestade nem fazer ofensas gratuitas.

Mas será que os portuenses, pró ou contra RR, têm consciência disto? Até que ponto ele é popular (ou tendencial e potencialmente popular), numa medida muiiiiiito diferente, por exemplo, do que acontece com o suserano de Gaia?

É uma estocada provocatória, eu sei.

Mas não tomem à conta de má-fé: mas sim como subsídio à reflexão.

maloud disse...

Angie
Nós os portuenses sabemos isso tudo. Mas também sabemos que é uma imagem "construída" com eficácia, e com a cumplicidade de quase toda a CS. Este "populismo", porque não se trata de outra coisa, é bem mais perigoso que o do suserano de "Marrocos". Dificilmente é descodificável.

Anónimo disse...

Cara Angie:
Em vez de frontal; simpático; determinado; sério; cortante; sincero; trabalhador; eu diria acima de tudo - limitado e de vistas curtas. Trabalhador e determinado ? Também a maioria dos Portuenses. Mas ser presidente exige muito mais do que determinação. A segunda cidade do país necessita de inteligência, pensamento estratégico, capacidade de tarbalhar em equipa e seriedade. Ter só "aparente" seriedade e determinação é muito,muito, muito pouco.

Raúl Martinho

avelino disse...

Pois cara Angie,

Nós sabemos que este é o melhor presidente para os que não são do Porto.

O pior é para os de cá.

AM disse...

Cara Angie

Muitíssimo obrigado pela sua colaboração.
É importante que, de uma vez por todas, as pessoas tenham consciência do "fenómeno" Rui Rio, dado que se corre um risco sério de que este homem possa um dia ser primeiro ministro deste desgraçado pais.

Já alertei inúmeras vezes que estamos perante algo muito mais grave que Jardins, Valentins ou outros Avelinos, Fátimas ou quejandos.

Sabemos quem é Menezes (eu, pelo menos, sei) mas esse ao menos tem alguma obra (pouco mais que de fachada, mas enfim) feita em Gaia.
Só que Menezes é um fenómeno local, limitado e detestado no resto do país, ou seja não vai mais longe que um qualquer Marques Mendes.

Agora Rio esse sim é verdadeiramente perigoso.
Cara Angie, Rui Rio é do mais RELES que pode haver em política, DESONESTO, MENTIROSO, ANTIDEMOCRÁTICO, se tem dúvidas basta ver os processos da Av. da Boavista (metro/corridas) a Av. dos Aliados, o ed. transparente, a quinta da china, a "pensão" no palácio do freixo, a vergonha do túnel de ceuta (lembra-se dos 80 metros de distância?, vá lá ver), etc. etc. etc.

No entanto, consegue enganar não apenas os papalvos, mas cidadãos informados e inteligentes como a Angie.

É por isso que é preciso denunciar e desfazer o mito Rui Rio, antes que seja tarde.

AM

rb disse...

"Eis então os adjectivos proibidos:
- frontal; simpático; determinado; sério; cortante; sincero; trabalhador; anti- marca registada dos políticos portugueses".

Angie: para eu continuar bem de saúde tem de fundamentar melhor esta "sua" apreciação.

rb disse...

Eu estou a 30Km do Porto, portanto, não sei muito bem como me posicionar nesta querela. A verdade é que antes de RR ser presidente da CMP guardava uma boa impressão do político, e até era capaz de o brindar com alguns dos adjectivos que Angie enunciou. Depois dele subir para a Autarca da Invicta, venho, pouco a pouco, de história em história, perdendo essa boa imagem que eu tinha. Confesso que aqui os sedentos me têm influenciado nesta mudança, embora tente me precaver. Enfim, estou a 30Km ...

Angie disse...

Eu sabia que isto ia cair mal...

O que eu quis foi pôr à consideração esta visão que existe mesmo acerca de Rui Rio, por não saber até que ponto é que os "do contra" têm consciência disso.
E não falo, naturalmente, da visão que têm os que são "da cor dele". Se assim fosse, para além de redundante, esse potencial político de simpatia que quis sublinhar deixava de ser um sinal importante acerca da sua pessoa.

É preciso não esquecer que quem dá as vitórias eleitorais não são os fiéis, como todos sabemos. São aqueles a quem alguém já chamou os do "centro radical".
Que não têm filiações, têm impressões.
E se isto é assim a nível nacional, muito mais a nível local, como também todos estamos fartos de saber.

Eu não falei em meu nome: nem nunca sustentaria 1 opinião sobre 1 político sem o conhecer bem.
Apenas transmiti o fenómeno que vou detectando, com uma consciência que (admito) talvez resulte do facto de me reconhecer nalgumas dessas tais impressões...

Vejamos se eu consigo desmontar as suas singularidades:
- é um PSD de quem muitos psd's não gostam;
- sempre pensou pela cabeça dele (p.ex., foi pró aborto)
- ganhou a CMP quando todos os PS achavam que a vitória estava no papo (isto impressiona bem)
- nunca foi 1 lambe botas
- não se lhe conhecem histórias de abuso de poder em proveito próprio, nem enriquecimentos sem causa, como a tantos e tantos e tantos...
- cortou com a comunicação social de 1 maneira que deixou todos boquiabertos, sem se importar com a certeza de que ia ser crucificado. Os comentadores odiaram: mas a mensagem que passou foi a de de que teve a coragem que ninguém tem para denunciar a propaganda e os abusos do 4º poder. Mais ou menos o que o MM Carrilho tentou fazer e todo o português sabe ser verdade!
- parece (parece) ter feito trabalho, e trabalho árduo, Até na inclusão social (Porto Feliz).
- É desabrido e audaz com os poderes instituídos, mas sem exageros que se possam confundir-se com irresponsabilidade.
- Transmite inteligência e falta de pachorra para aturar parasitas, enrolas e xico-espertos.
- Está a milhas de Santana Lopes ou Meneses.

Da obra na CM pouco conheço a fundo. Só conheço mesmo bem a intervenção na área da formação, por motivos profissionais: e considero-a muito boa. Claro que isto só tem efeitos internos, bem sei, não sai para o eleitor.

Pronto, Atento. Isto foi para si. Tudo um pouco à pressa.
Mas não tome o que eu disse por defesa renhida do homem.
Eu não sou do Porto!

AM disse...

Cara Angie

Espero ser capaz de lhe transmitir o quanto aprecio o previlégio de poder ter aqui os seus comentários (felizmente além dos seus ainda vai havendo uns poucos :-))

É verdade tudo o que diz
E é verdade por a Angie dizer não falar em seu nome, assumir a sua falte de conhecimento sobre o espécime, mas ser capaz de identificar os sinais na "opinião geral".

Ainda por cima, muito do que essa "opinião geral" percepciona é também verdade:

a saber:
«- é um PSD de quem muitos psd's não gostam;
- sempre pensou pela cabeça dele (p.ex., foi pró aborto)
- ganhou a CMP quando todos os PS achavam que a vitória estava no papo (isto impressiona bem)
- nunca foi 1 lambe botas
- não se lhe conhecem histórias de abuso de poder em proveito próprio, nem enriquecimentos sem causa, como a tantos e tantos e tantos...
- cortou com a comunicação social de 1 maneira que deixou todos boquiabertos, sem se importar com a certeza de que ia ser crucificado. Os comentadores odiaram: mas a mensagem que passou foi a de de que teve a coragem que ninguém tem para denunciar a propaganda e os abusos do 4º poder. Mais ou menos o que o MM Carrilho tentou fazer e todo o português sabe ser verdade!
- parece (parece) ter feito trabalho, e trabalho árduo, Até na inclusão social (Porto Feliz).
- É desabrido e audaz com os poderes instituídos, mas sem exageros que se possam confundir-se com irresponsabilidade.
- Transmite inteligência e falta de pachorra para aturar parasitas, enrolas e xico-espertos.
- Está a milhas de Santana Lopes ou Meneses.»

O problema é que, sendo efectivamente verdade que:

«- parece (parece) ter feito trabalho, e trabalho árduo, Até na inclusão social (Porto Feliz).
- Transmite inteligência e falta de pachorra para aturar parasitas, enrolas e xico-espertos.
- Está a milhas de Santana Lopes ou Meneses.»

É também verdade que se:

«- parece (parece) ter feito trabalho, e trabalho árduo, Até na inclusão social (Porto Feliz).»

Apenas parece, pois na realidade Rui Rio não tem qualquer OBRA que mereça destaque, muito menos na FRAUDE da inclusão social (Porto Feliz)

«- Transmite inteligência e falta de pachorra para aturar parasitas, enrolas e xico-espertos.»

Apenas transmite, pois na realidade os Paulos Morais, Linos Venturas (;-), Alvarinhos castelo-Brancos, Sapayos qualquer coisa e outros que tal (como as madamas de que se rodeia) não passam de "parasitas, enrolas e xico-espertos"

«- Está a milhas de Santana Lopes ou Meneses.»

Consegue realmente ser eficaz em passar essa ideia, quando a única coisa que o diferencia desses dois "(escreva aqui o que entender)" é a sua eficácia enquanto demagogo, donde a sua perigosidade.

Digo e repito, Angie

Informe-se

Este homem é perigoso e, corremos um sério risco que venha a ser um próximo primeiro ministro.

É fácil perceber quais os que dariam saltos de contentamento.

AM

rb disse...

Angie,
Obrigado!

Três coisas:
"- não se lhe conhecem histórias de ,abuso de poder em proveito próprio, nem enriquecimentos sem causa, como a tantos e tantos e tantos..."
Será tanto assim? A história do Paulo Morais, só para dar 1 exemplo, no mínimo, levanta suspeitas gravíssimas. Prevejo que este segundo mandato autárquico vai desbotar por completo essa "impressão" do sr. Só Eu Sou Honesto. Eu desconfio ...

- cortou com a comunicação social de 1 maneira que deixou todos boquiabertos, sem se importar com a certeza de que ia ser crucificado. Os comentadores odiaram: mas a mensagem que passou foi a de de que teve a coragem que ninguém tem para denunciar a propaganda e os abusos do 4º poder. Mais ou menos o que o MM Carrilho tentou fazer e todo o português sabe ser verdade!
Este paralelo é interessante, porque a meu ver põe a nu um dos pontos mais fracos de RR: a inabilidade mediática. A diabolização dos media, para mim, é fraqueza e não coragem. Essas técnicas qum domina é o Pinto da Costa.

Por último, o RR pode até ter qualidades, mas simpatia, Angie? Será?!!


PS: Um dia destes tb gostava de saber que opinião tem sobre o seu presidente, CE.

maloud disse...

Ó Atento, não insulte o Carlos Encarnação pondo-o em paralelo com o Rui Rio. Tudo tem limite, diz esta eleitora do PS.

rb disse...

Ó Maloud tb não seja tão mazinha :))), olhe que ele também não é muito bem quisto por lá ...

Angie disse...

ATENTO:
Não resisto a uma (contra-)provocação(zinha)...
- Com essa de indagar a minha opinião sobre o CE, você está a ver se me "caça" na fotografia, não é?!!:):)
Isto é: se me "topa" melhor....politicamente falando!:):):)
Confesse lá que ficou desconfiado com as coisas que eu disse sobre o RR.....

Mas eu nem me importava de falar dele, só que aqui não vem lá muito a propósito. E as autárquicas que ainda demoram tanto!!!