segunda-feira, novembro 28, 2005

Crucifixos



Eu cá não estou nada de acordo com estas coisas.
Como é sabido, os nossos miudos são cada vez mais vampirescos. Se se tiram os crucifixos das escolas, como é que se vai ter mão neles?
Daqui a nada temos as escolas cheias de dentes de alho, água benta, estacas pontiagudas, etc..

3 comentários:

Incoerente disse...

o ke não me agrada é ke nas aulas de relegião e moral só se fale de catolicismo.

Axo ke devia haver aulas sobre relegião, o ke é, como nasce, para ke serve, kantas há ...
as melhores historias e pressagios

Os adolescentes não perdiam nada em ter orientações sobre fé, mesmo a fé vampiresca ou satanica, ficavam esclarecidos e tomavam conhecimento das consequencias de algumas religiões levadas ao extremo...

AM disse...

Eu já deixei as salas da escola há muitos anos (antes de 74) e a minha filha ainda não entrou, por isso perdoem a ignorância, mas...

Tirar os crucifixos das salas de aula??????

Como ????

Só agora, passados 31 anos ????

Ainda lá estavam????

E os retratos do Salazar (ou do Marcelo) e do Tomáz????

Esses já tinham tirado????

Parece que anda tudo bêbedo.

AMNM

Incoerente disse...

arte sacra existe muita e desde ke fosse explicada como tal ... não havia problema

mas por exemplo na maioria das escolas já se ensaia kem será Jose e Maria na proxima festa de Natal...

E descance Moreira ke não terá ke esperar pela Escola para ter ke lidar com a questão, pode acontecer ke inscreva a sua filha num infatario kalker sem antes perguntar as tendencias relegiosas , e depois ocorrer ke a sua filha com 4 anos chegue a casa a balbuciar a Avé Maria e a perguntar-lhe afinal kando é ke pode ver Jesus, já ke ele esta em todo o lado
...