segunda-feira, março 14, 2005

Após...

... as palavras digamos, desabridas, de José Lello (evidentemente, com dois éles) ficamos a saber que a Câmara do Porto não lhe interessa para nada porque gere matérias de intendentes, e não tem massa critica, nem tem densidade, nem nada.
Pela mesma ordem de ideias, as pequenas câmaras do distrito devem interessar-lhe ainda menos, como por exemplo Matosinhos, Valongo, etc.
Dai que, se levarmos o raciocinio um pouco mais longe, somos obrigados a concluir que José Lello (eu escrevi dois éles) quer ser candidato a Gaia. Tem muita população e é um concelho bastante grande. Por isso é que foi 2º na lista de deputados pelo Porto. Deve ter sido por isso!
O que quer dizer que os potenciais candidatos às câmaras dos restantes concelhos podem estar sossegados, porque a concorrência vai diminuindo.

3 comentários:

Anónimo disse...

não vos percebo! O gajo tem razão

fortuna disse...

Não, o gajo não tem razão, pelo menos na minha perspectiva, que sou portuense. E se de facto ele acha que a cidade do Porto está a atravessar tal processo, então o melhor é fazer qualquer coisa para contrariar.

bm disse...

NA verdade não é intendência é incontinência!