segunda-feira, junho 06, 2005

Direita e Esquerda

Se me restasse alguma duvida sobre a prevalência da direita sobre a esquerda na net portuguesa, ela ter-se-ia dissipado após as eleições de Fevereiro. Mas, à medida que se aproximam as autárquicas, os sinais vão ficando cada vez mais evidentes. Antes de 20 de Fevereiro existia um silêncio complacente na net sobre a classe politica. Principalmente antes de Santana Lopes. Depois, já com Santana no poder, começaram a circular algumas mensagens que versavam essencialmente o próprio Santana e a sua forma bizarra de estar no governo. Após a vitória do PS, e face à inquestionável legitimidade adquirida por via da maioria absoluta conquistada, tem-se verificado uma avalanche diária de mensagens que atacam e denigrem a classe politica. O processo é simples, atacando a classe política em geral não se pode ser acusado de estar a criticar ninguém em particular (o que não seria aceitável, pelo menos de forma tão explicita), e na verdade atinge-se quem está nesse momento no poder. Por exemplo, a nomeação desta ou daquela personalidade para uma qualquer instituição, a ganhar uns não sei quantos mil euros motiva imediatamente dezenas e dezenas de e-mail e PPT’s a circular, sendo que antes dessa mesma nomeação já lá existia um gestor a ganhar o mesmo e igualmente nomeado, cuja nomeação não motivou coisíssima nenhuma. A questão não está na bondade do procedimento em relação a nomeações, vencimentos, etc, que evidentemente podem e devem ser discutidos. A questão está no ataque generalizado à classe politica a partir do momento em que o PS chegou ao poder. Para mais que pondo sempre a tónica nos dinheiros, para facilitar a associação Socialistas = Despesitas. É o longo alcance do discurso da tanga. Não vi, durante estes três anos de coligação de direita este tipo de tratamento à classe politica, nem de longe nem de perto, na net portuguesa.

18 comentários:

avelino disse...

Queres dizer então: fora a net?

avelino disse...

Queres dizzer que a net é de direita?

avelino disse...

Se assim é vou-me já embora!

fortuna disse...

quero dizer que existe uma prevalencia de direita na NET. Quero dizer que é nossa obrigação desmontar estes esquemas mais oumenos conscientes que se vão gerando. Quero dizer que me incomoda este estigma que paira sobre o PS.

fortuna disse...

Quero dizer que não aceito que o PS tenha que ser moralmente impoluto e que depois a gente assista à direita a fazer as maiores pantominices à descarada.
Eu até ouço gente a dizer que o choque fiscal nunca existiu e que o socrates é que mentiu quando disse que não aumentava os impostos e afinal aumentou. e que já sabia do défice porque foi i Guterres que o deixou. Cansa. E é isso que acontece na net. Cansa.

fortuna disse...

É como a questão do tunel. A realidade não interessa para nada. O que interessa é que o coitado do rio quer resolver os problemas da cidade e o PS não deixa.

fortuna disse...

Realmente acho que há uma geração de direita que se agarrou à net e é claramente maioritária nestas andanças.

Jmorais disse...

Fortuna, não vale a pena "stressar"
com alguns comentarios que se lêm na net, concordo contigo quando dizes que há uma prevalencia de comentarios de direita, a verdade é que a direita esta aflita.
mesmo depois de ser anunciada a subida do IVA o PS continua a ser o partido com mais intenções de voto, eles estão é desesperados e sem argumentos.

fortuna disse...

ó João Morais, deves ter razão. Sim, já deve haver algum desespero no ar.

Incoerente disse...

Toda a gente sabe que o Santana Lopes foi vitima dos Blogistas de esquerda- o tal Choque blogologico -

JF disse...

Daniel,

Hoje há mais comentários simplesmente pq hoje há mais (muito mais) blogues. Quanto tempo perdias tu em postas nos primeiros anos do Barroso?
E o Santana foi massacrado online (e não só).
Não faças de coitadinho...

Até porque a net é um espaço democrático: entra quem quer, posta quem quer e lê quem quer.

Uma provocação final: tendo em conta as medidas anunciadas pelo governo, faz sentido falar em direita e esquerda nos moldes em que o fazes?
O Sócrates é de direita ou de esquerda?
O Blair é de direita ou de esquerda?

rs disse...

De quem queres que se diga mal? Falar mal daqueles que ninguém conhece, não dá pica! E falar mal daqueles que só são conhecidos porque estiveram à frente de uma câmara de televisão por motivos não "reconhecidos", é piroso e pouco culto.
Não restam muitos para se falar, e dizer mal é uma forma de exteriorizar o que de mal que nos consome. Deixa falar..... que isso nunca deu moça a ninguém e quem não aguenta com a maledicência não é feito para estar em lugar público.

fortuna disse...

Na minha forma de ver e de estar, faz todo o sentido falar de direita e de esquerda. De certa forma é como que um patamar minimo, quando as ideologias se esbatem. De certa forma é uma escolha base, para outras opções, mais especificas, sejam partidos, movimentos, simples orientações. Quando na Revolução Francesa os liberais (chamemos-lhes reclamantes) se sentaram à esquerda e os detentores dos previlegios à direita (a velha igreja sempre se soube situar, mais ou menos a meio) marcaram muito mais do que simplesmente o lugar.
No entanto, se isso corresponde ou não à pratica politica dos partidos, isso é outra história.

fortuna disse...

No caso de Socrates e de Blair, homens podem encontrar-se muitas duvidas e questões, e eles próprios se calhar atribuem o seu "esquerdismo" apenas à vertente mais social que procuram implementar. Acho que é uma discussão interessantissima. Ajudaria a situar muita gente e muita gente a situar-se a si própria.
João, se quiseres desenvolver, o blogue está cá para isso.

fortuna disse...

Não Raquel, não deixo.

rs disse...

É por isto que eu acho que tu és feito de "boa fibra" porque se incomodas. Viva!

AM disse...

Que pena eu não ter cá estado para esta discussão :(

(É por isso que eu prefiro um forum a um blog, aqui os assuntos morrem logo a ordem é cronológica e não de interesse:-( ~)


Boas
AMNM

Anónimo disse...

tu