domingo, abril 17, 2005

A feira

Quem não se lembra de umas noites bem madrugadoras na Feira da Vadoma? Pois é, acabou!
Pelo menos a Câmara não sabe resolver o problema. É assim numa cidade que anda desatenta com as questões e sempre com a mania de as discutir tarde demais.!
Ora uma feira tradicional, descrita tantas vezes como parte de um património cultural portuense, não pode simplesmente ser tratada como uma feira ilegal. Tem que haver soluções, e mais ainda quando agora dizem que há que arranjar um espaço, com os stands e pagar as taxazitas e tal.... Isso não é a Vandoma e não é aquilo que a malta nova quer quando negoceia com os Papás vender quinquilharia para o interail, ou para as férias com a namorada.
Assim se vai alienando coisas que são mesmo nossas como se não fosse nada e o Porto morre por dentro. Qualquer dia acabam por vêr no S.joão uma festa ilegal. Já nada nos leva à baixa, ao centro.

1 comentário:

fortuna disse...

O quê,a vandoma acabou??!!
Isso é verdade?
Mas isso não pode ser, isso é muito pior do que o coliseu passar para a IURD.