terça-feira, abril 19, 2005

Rio arranca campanha

O Autarca do Porto lança o inovador????? Masterplan Porto Vivo.
Lembram-se quando o mesmo Rio gozava o Gomes quando este falava em "Project Finance" para os eléctricos? Agora apresenta-se uma "coisa" chamada "Masterplan", também com certo jeito parolo, e pior do que isso, como se a malta achasse mesmo que o Rio vai fazer isto:

"Recuperar a Baixa do Porto custará mais de 1695 milhões de euros (quase 340 milhões de contos). O Masterplan da Porto Vivo - Sociedade de Reabilitação Urbana, que será apresentado hoje à tarde no átrio da Câmara portuense, delimita 36 áreas de intervenção, prevendo-se a renovação de 5785 edifícios. Contas feitas, a acção mais barata será na envolvente da Rua do Mirante, com um custo de 4,22 milhões de euros, enquanto o eixo Aliados/Liberdade obrigará a dispender 128,1 milhões para recuperar 116 imóveis." in JN hoje

Quer dizer que os 3 anos e meio foram só para aquecer os motores? A blogosfera já está em cima do assunto, esperam-se os próximos episódios, pois a campanha já começou!

11 comentários:

Pedro disse...

Quer dizer que os 3 anos e meio foram só para aquecer os motores?
Não, criaram a SRU (contra a vontade da oposição), avançaram com projecto de Carlos Alberto e estão a preparar o 2º plano de intervenção na Ribeira. Pode ser pouco, mas já está a andar.
Mas isto sou eu a dizer, alguém que não está dentro da informação como estará certamente o autor deste post (sem ironia!).
O que me parece mais estranho nisto é o facto de, na notícia, não haver prazos para execução deste "masterplan" (irrita-me solenemente esta mania de dar nomes ingleses às coisas para as embelezar...). Parece-me mais um "memorandum de intenções", um objectivo a muito longo prazo, algo que se gostaria de fazer mas...

Cristina Santos disse...

Visite o arquivos da Baixa do Porto, onde poderá até encontrar informação cedida pelo Dr. Joaquim Branco, este master plan , está um pouco envolto em misterio, porque se tenta copiar Socrates, não dando qq tipo de informação, como forma de manter calma e serena a oposição. sabe que santana lopes ensinou-nos muito nessa materia.
Mas os traços gerais da Porto Vivo e sua forma de intervenção foram amplamente debatidos na baixa do Porto , não ke o keira encaminhar, é apenas pq aqui o espaço é pequeno para lhe dizer aquilo que entendi que são as linhas gerais de intervenção.
Qt à questão dos 3 anos de motor a aquecer , seriam precisos outros tantos para um bom projecto, nisso a estabilidade de mandatos é um factor primordial - é impossivel dar forma Às coisas, mostrar as suas valias, com tão pouco tempo de mandato - . mas ... isso falamos noutra oportunidade Ke este blog nos dê.

Anónimo disse...

...pouco tempo? ou tempo a mais! agora fiquei baralhado.
alguém será capaz de me dizer?
...só me faltava ter que o aturar doze anos!


Grande Plano!
não será grande demais?
será que a cidade tem dinamica para aguentar.

nós que não aceitamos alguns planos, pequenos, como por exemplo a casa Dam úsica" e obrigamos ao encontro de um grande arquitecto (Rem koolhaas) com um arquitecto grande. A ver vamos.
E a polemica do shopping das antas, com dinheiros para a laura rodrigues (será que ela tenciona passar férias com Zé manel?), temos a certeza da diminuição das areas? E a alameda de Cartes? tantos acordos pós deferimentos de projectos...urbanisticamente estamos com os motores parados, ou então estão ligados de marcha a ré!

pessoalmente, sim, acredito na planificação, só tenho medo dos "ilustres"...e das mudanças de estrategias sem razão aparente.

avelino disse...

Sobre os 3 anos: Por isso apoiou a SRU, votando favoravelmente, depois de se garantirem os principios democráticos da sua gestão, mas só depois disso.
Aliás relembro a importante posição do Francisco Assis nessa matéria.

Cristina Santos disse...

Francisco Assis tem posição nessa materia?1 Ah sim, quando apelou ao bom senso da Cardoso company... sim, nessa altura ele ainda tinha visões metropolitanas de grande senso.

AM disse...

Boa
Já começou a campanha eleitoral :)
Agora com os "blogs" até já dá para mandar bombas uns aos outros.
Enquanto forem identificados (como a Cristina :) ), bem a coisa vai.

Nada como ser "abstencionista militante" para ir dando uma de "snipper" aqui e ali. :-)

(Abstencionista militante mas ANTI-RIO, note-se)

Continuem (todos)
AM

Ex-Apoiante de Assis disse...

Reabilitar a baixa do Porto parece-me bem. Não percebo porque é que os senhores do PS-Porto acham mal. Será por se estarem a aproximar as eleições e o PS ter um candidato obcecado em vencer a Câmara do Porto? Quanto à Cardoso Company, se é assim que lhe chamam, têm toda a razão. Então é-lhes imposto um candidato a Presidente da Câmara porque o Sr. Secretário Geral achou que devia ser assim? E esse candidato até nem está muito para dialogar com a Concelhia que o suporta como candidato? Mas o que é isto?
É isto a democracia do PS?
Bem... boa sorte camarada Assis e companhia Lda.

Avelino disse...

Ora bem, vamos a esclarecimentos!
Quem é que disse que o PS é contra a recuperação da Baixa? È a mesma coisa que dizer que o PS é contra o PArque da cidade qd fomos nós que o fizemos, a seguir vamos fazer o parque oriental para depoiis outros dizerem que o queremos destruir. Demagogia tem limites. Segundo porque quem levou a classificação a património mundial da baixa tb foi o PS a conseguir.
Já agora relembro que o Assis defendeu a criação da SRU e o desencravanço no PDM.
Sobre a simposições do secretário-geral e a o candidato contra concelhia ou vice versa, devo dizer-vos que as coisas atá estão bem tranquilas e todos os socialistas irão apoiar o candidato à câmara, coisa que tenho bastantes mais duvidas se acontecerá nos Sociais democratas e PP's.

Cristina disse...

Antonio Moreira, qt a mim a oposição socialista nem sequer representa o PS, em segundo não está contra a SRU, nem contra o Parque, nem contra Rui Sá, não eles estão simplemente contra tudo o ke Rui Rio proponha.
Por isso digo vezes sem conta ke sem boa oposição não se moldam maus executivos.

Eles não estavam contra a SRU, mas sim contra ser uma empresa municipal ou não...

Ok tamos agora esclarecidos... e qt ao Sr. Assis limitou-se a limpar os cacos de uma entrevista dada pelo presidente da Cordoso Company, sim ele mesmo, õ Assis ke alias tem um excelente trabalçho metropolitano, apenas apelou ao bom senso, afirmando ke se a C.M.P. não tinha dinhiro para fazer da SRU uma empresa municipal, isso não era relevante face à necessidade de termos uma empresa como essa.
Não devem ainda esquecer ke isto veio a mote, depois da Conferencia de Imprensa do Presidente da Cardoso Company, na kal este senhor afirmou ke Rui Rio moldava a Justiça, ke as acusações de desvios (pessoais n/ socilistas) eram cabalas.

Cristina disse...

Antonio Moreira, qt a mim a oposição socialista nem sequer representa o PS, em segundo não está contra a SRU, nem contra o Parque, nem contra Rui Sá, não eles estão simplemente contra tudo o ke Rui Rio proponha.
Por isso digo vezes sem conta ke sem boa oposição não se moldam maus executivos.

Eles não estavam contra a SRU, mas sim contra ser uma empresa municipal ou não...

Ok tamos agora esclarecidos... e qt ao Sr. Assis limitou-se a limpar os cacos de uma entrevista dada pelo presidente da Cordoso Company, O Assis ke alias tem um excelente trabalho metropolitano, apenas apelou ao bom senso, afirmando ke se a C.M.P. não tinha dinheiro para fazer da SRU uma empresa municipal, isso não era relevante face à necessidade de termos uma empresa como essa.
Não devem ainda esquecer ke isto veio a mote, depois da Conferencia de Imprensa do Presidente da Cardoso Company, na kal este senhor afirmou ke Rui Rio moldava a Justiça, ke as acusações de desvios (pessoais n/ socilistas) eram cabalas. Assis apelou a bom senso e despersonalização das situações.
Isto tudo claro no ponto de vista independente

AM disse...

Cara Cristina

Não sei contra ou favor do que, está a oposição socialista.
Nem tenho nada a ver com isso.
Eu estou, claramente, contra o Rui Rio por entender que não é um político sério.
Pelas mesmas razões estive contra o Nuno Cardoso.

Apenas comentei o facto de a campanha eleitoral ter começado tão cedo e de, agora, irmos também assistir a ela na "blogosfera".

Se compreendo que Assis tenha que começar a aparecer tão cedo quanto possível, de forma a dar-se a conhecer aos eleitores, já acho lamentável que uma personagem como Rui Rio que demonstrou não ter qualquer ideia ou projecto para a Cidade, apareça agora com um "masterplan" qualquer para tentar passar a ideia do "agora é que vai ser".
Rui Rio teve a sua oportunidade e perdeu-a (se bem que a "inteligência" dos eleitores tantas vezes me surpreende).
Demonstrou que só parece competente e sério quando não aparece.
Bastou ascender a um cargo executivo,com a visibilidade deste, para se ver que não é diferente de um qualquer Santana Lopes (um palhaço rico, outro palhaço pobre, mas ambos...)

Obrigado
AM