quinta-feira, abril 28, 2005

o "Tino" do Jamor

Isaltino, conhecido na Suiça e em Oeiras por "o tino", veio apresentar a sua candidatura independente à respectiva Câmara. Diz ele que tem uma sondagem arrasadora.
Eu acho que está aberta a épocas das candidaturas "dinossauricas", que consta por aí pode atingir elevados contornos e cenas picantes em Gondomar e (esperamos bem que não) em Matosinhos.
É que a moda está a pegar, com Ferreira Torres (um dos sedentos obriga a que omita o primeiro nome do homem) em Amarante e Isaltino em Oeiras, Valentim ameaça Gondomar, falta saber se o PS também sofre da mesma doença.

17 comentários:

Narciso Miranda disse...

Eu apoio completamente esta candidatura - é um exemplo para todos nós - preserverança e rigor na gestão da causa pública.

Valentim Loureiro disse...

Eu concordo com o Narciso, acho que o Tino esteve bem, portanto vamos todos gritar: GUTERR....! quer dizer ISALTINO, ISALTINO; ISALTINO!

N Cardoso disse...

Na verdade acho que os partidos já não são atractivos outra vez, portanto acho que vou aceitar novos desafios.

PSL disse...

Bom, eu disse que ia andar por aí, neste momento estou com o Isaltino, não só porque ele está acima do partido como também porque tem sido vítima duma escandalosa campanha da comunicação social. E deixo-te uma certeza Tino - olha que as sondagens não enganam, portanto vais ganhar!

anarca azul disse...

Quem foi o castiço que escreveu isto?

Anónimo disse...

Já pareces o Sedento à procura do infiltrado!

Emigrante suiço disse...

Eu conheço bem o Sr. Tino fui eu que transferi a massa para o pagamento da sondagem que ele fez no ano passado, sempre que vem ao nosso Banco o sr. Tino trata toda a gente com respeito e até traz lembranças de oeiras para deixar aqui.

Alberto João disse...

Ainda bem que não falaram em mim, nem na offshore da Madeira.

Anónimo disse...

E a Fátima Felgueiras não diz nada?

Fátima disse...

digo digo. Sou candidata independente à PGR, porque a justiça em portusil é uma merda.
Nós aqui na rocinha resolvemos tudo a carga de metralhadora e já está.

fã de Felgueiras disse...

Mas a senhora é muito justa, muito mesmo. E depois é muito carinhosa e gostava muito dos pobrezinhos, era um senhora muito piedosa e com muito sentido do perdão e da caridade. Quem é assim devia ser perdoado... Não consigo engolir o que o senhor Assis até hoje porque ele foi à nossa camara retirar aquela santa senhora. Ninguem lhe perdoa por estas bandas porque a nossa senhora era mesmo uma grande presidente.

Vizinha da Fã disse...

Pois , eu assisti ao enfesto que o Ti Manel deu no Hóme, por causa da nossa fatinha, num tinha nada ke vir cá se meter . já ouvi dizer a vizinha, que no Porto o Cardoso tambem anda pa lha acertar uns coques... agora esse Etilvino é que num sei quem seja, mas se é amigo na nossa fatinha é um hóme honesto de certeza, merece credibilidade, é um home viajado eu nunca fui à Suiça nem ao Brasil, nunca sai daqui de Felgueiras ..

FG disse...

Carago pá (porra, já disse carago)

Cristina disse...

Quanto a mim isto é mais um reflexo de inteligencia, com Isaltino como Independete o seu partido tem assim duas hipoteses de ganhar a Camara.
Estratégia meus caros, eles estão todos combinados é o que é...

E claro que todos os testemunhos abonatorios, serão recompensados por compadrios e empresas de recolha de residuos urbanos, isto recordando o caso do menezes e enfim, da sua esposa ...

Isto é estrategia

o inflitrado disse...

A esposa do Menezes já está a ditar leis na Casa da Música. è que lá sempre se pode cantar de galo...

JC (bugs bunny) disse...

Ó pá eu desminto categorcamente, qualquer acordo secreto, nomeadamente com a candidatura de oeiras e o PS completamente quer efectivamente ganhar claramente a câmara. Isso do Expresso é expressamente mentiroso. Não fosse eu o coordenador autárquico que nos tempos em que era nº 2 do governo, especialmente do Eng António Guterres, negociei aquele orçamento de estado com o Paulinho da feiras com o compromisso de mormente abafar a Moderna.
Francamente!

anarca azul disse...

Aquilo é que foi um abafo, não sei é se foste tu, ó n2 cordenador autarquico.